sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Olá pessoal estou muito feliz por estar compartilhando com todos! 
Bem hoje vou revelar a vocês uma verdadeira paixão que me conquistou desde a primeira vista em 2011.

O FRIVOLITÊ .

Graças a uma famosa revista tive com ele meu primeiro contacto visual  e amei o que vi e o que senti.Fiquei apaixonada e pensei..."Preciso aprender esta linda técnica." Foi então que a partir daquele dia o Frivolitê entrou pra ficar no ateliê.Amo tudo o que faço e também amo o Frivolitê.
Bem as informações iniciais da revista ficaram básicas demais naquela semana e fui pesquisar mais sobre o assunto.Descobri várias curiosidades sobre esta arte tão antiga e especial .Por exemplo,que já era feita por rainhas e ficou conhecida desde o século XVIII na Europa.
Ela foi ficando esquecida ,mas depois reapareceu com vitalidade entre as damas.
Feita com Navete ficou conhecida de todos.Se caracteriza por seus nós e picôs que formam círculos e semi-círculos.
Quando conheci a técnica na "tal"revista ela já estava demonstrada com agulhas.Como tinha no ateliê uma agulha parecida,já sai tentando fazer os nós.Posteriormente, me informei em blogs e etc "cavocando, "até achar um jogo de Frivolitê com 8 agulhas que não posso citar a marca por enquanto, para não ter problemas com direios autorais.Mas se alguém se interessar muito, hoje já se encontra fácil.Bem;desenvolvi a arte com agulhas porque me adaptei melhor à elas,mas, amei tanto a arte que se fosse com navete também iria querer aprender.
Esta arte tão delicada e exclusiva não pode desaparecer,e se depender de mim não vai,por isso, vou passar algumas noções básicas através de alguns vídeos que farei a seguir.
Meu objetivo com isso é acrescentar  na vida de todos que apreciam o artesanato e a arte de forma geral.
Quero deixar claro que os "diagramas","moivos" ou modelos que vou apresentar não são de minha autoria ,mas,sim de autoria de algumas bondosas e queridas artesãs, arteiras que disponibilizaram suas aulas e dicas.Muito obrigado a todas as Estrangeiras e algumas raras brasileiras por divulgarem e ensinarem,passando adiante, esta tão bela arte.

Sem comentários:

Enviar um comentário